TV ONLINE EM PORTUGUÊS
TRANSMISSÃO DE CONTEÚDOS CRISTÃOS E GENERALISTAS

Chat Online

Flash

Elon Musk participa da cerimónia de entrega dos novos carros da fábrica Tesla Shanghai

CEO da gigante de veículos elétricos, Tesla, participou numa cerimónia de entrega do primeiro lote de carros que saíram da fábrica da americana em Shanghai

Elon Musk participa da cerimónia de entrega dos novos carros da fábrica Tesla Shanghai
A cerimónia de entrega coincidiu com o primeiro aniversário da fábrica inovadora de Tesla Shanghai, realizada a 7 de janeiro do ano passado. Atualmente, a fábrica de Shanghai é capaz de produzir 3.000 carros por semana, todos com 100% de fabricação na China até o final de 2020.Localizado na nova área de Lingang, em Shangai, o Fábrica chinesa da Tesla ocupa uma área de 860.000 metros quadrados e funciona como uma base de pesquisa, fabricação e vendas.

A empresa está a planear produzir 500.000 veículos elétricos puros por ano.Como a primeira construtora estrangeira que construiu uma fábrica na China após a facilitação dos limites de participação acionária na China para investidores estrangeiros no setor automobilístico, a Tesla comprometeu-se a fazer da fábrica de Shangai um modelo exemplar em todo o mundo.

"A Gigafactory Shanghai será a primeira gigafactory da Tesla fora dos Estados Unidos, e será a mais avançada da gigafactory. Queremos tornar esta fábrica extremamente ambientalmente sustentável e que isso seja uma peça de exibição para o mundo", disse Musk numa entrevista à China Central Television, há um ano atrás.

A Tesla conseguiu colocar em operação seu gigaplant em Shangai em apenas um ano, graças à política preferencial das autoridades de simplificar as aprovações administrativas, o que levou à "velocidade de Shangai", que impressionou profundamente Musk.

"Concluímos as aprovações para o projeto da Tesla em cinco meses, ou seja, todas as aprovações, desde assinatura de contrato, seleção de locais e autorizações de construção, foram feitas em apenas cinco meses", disse Chen Jie, vice-secretário do Comité do Partido do Partido Comunista e do Comité Administrativo de Shangai Lingang.

Além do apoio político, as autoridades de Xangai também forneceram à Tesla apoio financeiro e de infraestrutura, como ajudar a construtora a planear o seu fornecimento de eletricidade e gás natural e ajudar a Tesla a obter empréstimos.

Num futuro próximo, a Tesla vai produzir os seus veículos Modelo Y na fábrica de Shangai, e os carros fabricados na China poderão ser exportados para outros países, de acordo com a Tesla.

A Tesla entrou em 2020 em grande ao ser a primeira empresa de carros elétricos que inaugurou a sua primeira fábrica fora dos EUA, em Shanghai, e para marcar o momento contou até com a presença e dança em palco do CEO Elon Musk. Um momento que já é um dos mais divertidos (e embaraçoso) deste início de 2020.

Deixe o seu Comentário

    Ainda ninguém adicionou um comentário.
    Preencha o formulário acima e seja o primeiro!