TV ONLINE EM PORTUGUÊS
TRANSMISSÃO DE CONTEÚDOS CRISTÃOS E GENERALISTAS

Chat Online

Flash

O primeiro-ministro de Portugal, Costa, diz que venceu as eleições para manter o pacto com a ala esquerda

A nova composição parlamentar obriga António Costa a dialogar com mais forças políticas e já deixou isso claro no discurso da vitória. “O nosso objetivo é garantir tudo o que alcançámos e decidir com os portugueses fazer ainda mais e melhor.”

O primeiro-ministro de Portugal, Costa, diz que venceu as eleições para manter o pacto com a ala esquerda
Não se espera que as negociações sejam tão complicadas ou tão longas quanto na vizinha Espanha, que ainda não tem governo mais de cinco meses após as eleições e está indo para uma votação repetida em novembro.

Costa se beneficiou de uma economia que está crescendo mais do que a média da UE, ajudada pelo aumento das exportações e por uma indústria de turismo em expansão, que no ano passado viu visitantes superando os habitantes de Portugal.

Os líderes do bloco de esquerda e os comunistas, que apoiam Costa desde a última eleição em 2015, disseram não ter objeções a ele ser indicado como primeiro-ministro e estavam abertos a negociar se os socialistas se comprometessem a melhorar a vida dos trabalhadores.

Com a maioria dos votos contados, os socialistas lideraram com 106 cadeiras. Isso significava que eles eram os primeiros, mas, com apenas quatro assentos ainda não contabilizados, eles não podem alcançar a maioria total de 116 assentos no conjunto de 230 assentos.

Os principais social-democratas da oposição (PSD) conquistaram 28% dos votos e pelo menos 77 cadeiras, segundo resultados preliminares.

Deixe o seu Comentário

    Ainda ninguém adicionou um comentário.
    Preencha o formulário acima e seja o primeiro!