TV ONLINE EM PORTUGUÊS
TRANSMISSÃO DE CONTEÚDOS CRISTÃOS E GENERALISTAS

Chat Online

TRATADO DO ELYSEE

França e Alemanha assinam tratado que renova aposta nas relações bilaterais e na UE

TRATADO DO ELYSEE

Os líderes da França e da Alemanha assinaram um novo tratado a 22 de janeiro para atualizar o seu acordo de reconciliação pós-guerra de 1963, com o objetivo de revigorar o principal eixo da União Europeia à medida que o crescente nacionalismo eurocético testa a coesão do bloco.

Numa cerimónia calorosa na cidade fronteiriça alemã de Aachen, um símbolo histórico do acordo europeu, a chanceler alemã Angela Merkel e o presidente francês Emmanuel Macron tentaram mostrar que estão prontos para dar nova liderança ao conturbado projeto da União Europeia.

Os líderes querem que o Tratado de Aachen, de 16 páginas, seja negociado para atualizar o Tratado do Elysee, de 1963, sobre a reconciliação pós-guerra, para impulsionar a unidade europeia que tem sido prejudicada pelo Brexit, pela imigração e pela crise da zona do euro.
Merkel sublinhou que assinou o tratado em nome do governo alemão para se comprometer "com força total e de todo o coração". Ela acrescentou que o tratado deve ser entendido como um "enriquecimento para as nossas culturas.”

Macron acrescentou que a ambição conjunta deve ser "que a Europa se torne o novo escudo para o povo contra os novos tumultos no mundo".O Tratado Elysee original foi assinado em 1963 pelo Chanceler Konrad Adenauer e pelo Presidente Charles de Gaulle, que no mesmo ano vetou o pedido britânico para se juntar à Comunidade Europeia, o precursor da atual União Europeia.

Deixe o seu Comentário

    Ainda ninguém adicionou um comentário.
    Preencha o formulário acima e seja o primeiro!