TV ONLINE EM PORTUGUÊS
TRANSMISSÃO DE CONTEÚDOS CRISTÃOS E GENERALISTAS

Chat Online

Artista acorrentado é libertado ao fim de 19 dias

Mikes Poppe ficou acorrentado a um bloco de mármore durante 19 dias. O objetivo era libertar-se do fardo da “história”. Não conseguiu mas diz que não falhou, apenas afirma que não consegue escapar à história da arte.

Artista acorrentado é libertado ao fim de 19 dias
O último projeto do artista performativo belga Mikes Poppe pretendia demonstrar o peso da “história”. O artista acorrentou-se a um bloco de mármore num tribunal de Osteende, na Bélgica. De acordo com a Reuters, durante 19 dias Mikes Poppe tentou libertar-se do bloco, partindo-o aos poucos. Comeu, dormiu e lavou-se sempre acorrentado ao bloco mas teve que render-se à realidade de que não consegue escapar à “história”.

Mikes Poppe precisou de ajuda alheia para se libertar da corrente que o ligava ao bloco de mármore, mas recusou a ideia de falhanço.

“O bloco simbolizava a história, a história da arte, da qual estava a tentar libertar-me. Mas descobri que não é possível libertar-me da história. É um fardo que terei de carregar sempre”, disse.

Intitulada ‘De Profundis’, a performance de Mikes Poppe foi transmitida na totalidade via streaming.

Deixe o seu Comentário

    Ainda ninguém adicionou um comentário.
    Preencha o formulário acima e seja o primeiro!